Home > Modices > Catarina Mina

Oie!

Janeiro, mês de férias para muita gente que acaba viajando para a praia para aproveitar esse Sol lindo que Deus nos deu. Para quem está curtindo este momento lindo, com certeza você pensou nas roupas que iria levar para curtir a praia e os acessórios. Neste post, apresento a marca Catarina Mina (que acho bem verão, boa parte das suas bolsas).

Conheci a história da Catarina Mina ao visitar a Loja 3 meninas em Recife (falei sobre ela aqui) e fiquei impressionada. Cada peça da marca passa por muitas mãos: a designer, as artesãs, costureiras e os revisores que fazem sua embalagem e distribuem suas peças.

catarina mina 2

Certo, ok?! O que isto tem demais? A Catarina Mina é a primeira marca do Brasil que faz questão de expor todos os custos envolvidos na produção de cada uma de suas peças. Na Loja On-line, ao escolher uma peça, você identifica a descrição do produto e de todos os custos de produção, inclusive valores de marketing (que é o que encarece muitos produtos das marcas famosas).

O projeto

Design e artesanato podem estabelecer entre si uma boa conversa. Uma conversa sincera em que cada um assume e colabora com os seus saberes, a sua história, os seus mundos. Foi dessa intuição e desse desejo que nasceu a Catarina Mina. Em 2005, iniciamos o trabalho com algumas artesãs do Ceará. Trocamos experiências e juntas fomos tecendo a vontade de valorizar o trabalho artesanal, tornando-o atrativo economicamente e projetando-o de forma que estas e as novas gerações sintam orgulho da atividade.

catarina mina artesão
Assumindo a cultura do artesanato, a Catarina Mina optou em 2015 por abraçar de corpo e alma um caminho. Nossa ideia é: menos esforço financeiro investido na exposição da marca e mais dedicação a quem realmente faz a Catarina Mina. Isso se concretiza na escolha da matéria-prima, no valor pago às costureiras e artesãs e também através do respeito ao seu modo específico de produção. As crocheteiras têm a segurança da renda mensal, mas trabalham em suas casas,  no seu tempo e no seu ritmo próprio. As artesãs traçam o jeito de ser da Catarina Mina e participam efetivamente dos ganhos da empresa. E isso não é fazer discurso. É, simplesmente, o respeito à razão de ser da nossa marca.

Nas imagens a seguir, você identifica parte dos custos de produção de algumas peças.

CLUTCH ALVORADA CLUTCH

BOLSA DELÍRIO

O que achei bacana desta iniciativa?

Dentre muitas coisas, as principais são: Incentivo para a produção artesanal e valorização das pessoas de forma não exploratória; Peças bem produzidas e feitas pelas artesãs que não perderam sua identidade; Possibilidades de continuidade pelas novas gerações dessas artesãs…

As peças são caras?! Se você considerar toda a descrição do produto e sua produção, você verá que não! Mas, infelizmente, no país ainda são poucos os que valorizam a cultura popular, o artesão, o feito a mão… Sendo muito comum escutar: “Ah! Por esse preço eu compro uma Clutch da marca X”… Bem… se eu pudesse e meu dinheiro desse (um dia, há de dar!) eu compraria com certeza! Só não sei dizer qual peça, porque a dúvida predomina, pois as peças são lindas!

Se você gostou, deixe um comentário. Compartilhe com seus(uas) amigos(as) esta ideia e deixe ela se perpetuar! Bju bju.

*Com informações do site oficial da marca.
You may also like
4ª Edição do Espaço Bora – Terraço do Paço Alfândega
Espaço BORA! ganha terceira edição no Paço Alfândega
Desalinho Estamparia Artesanal
Melissa + Sebastian ErraZuriz

Leave a Reply